meandros

quarta-feira, março 29, 2006

atenção... gravando!


A tempo, hoje é aniversário de Curitiba. 313 anos após sua fundação oficial. (Ignorando, é claro, as tribos indígenas que já habitavam a região do Bairro Alto há muito mais tempo.)

Sempre morei aqui e amo esta cidade. Agora, não posso negar que muito do que existe aqui é de mentira. A Curitiba pós-Lerner (que dizem ser muito diferente da Curitiba do Dalton Trevisan - eu não sei, conheci primeiro o Lerner) tem como um de seus alicerces a propaganda.

Como sede de evento internacional da ONU, teve ruas repintadas, placas sinalizadoras em dois idiomas, barba, cabelo e bigode bem aparados. Ficou bonito.

Mas o quanto isto atrai novos moradores iludidos com apenas uma falsa imagem? Não sou contra novos moradores. Sou contra desilusões. O trânsito, veja só como exemplo, do qual faz pouco tempo podíamos nos gabar está se equiparando ao trânsito de, ught!, São Paulo em determinados horários e locais...

Sendo assim, só me resta um último clamor:
Salve a Curitiba de verdade, seja ela qual for!